fbpx

Payroll americano ganha menos força que o esperado

O payroll oficial dos Estados Unidos mostrou a criação de 559 mil novas vagas de emprego em maio, número bem abaixo das expectativas de 650 mil. Esses dados colocam o payroll 5% abaixo do nível pré-pandemia, ou 7,6 milhões de empregos.

No mês, o setor de lazer e hospitalidade (+292 mil) foi, novamente, o que mais adicionou empregos. Em seguida vieram os setores de educação (+143 mil), cuidados médicos e assistência social (+46 mil) e informação (+23 mil).

Ademais, em maio o salário médio por hora teve alta de 0,5%, número bem superior às expectativas de 0,2%, reforçando a forte demanda por trabalhadores, que contrasta com a baixa oferta.

Apesar de números melhores em maio, o payroll americano reforça a escassez de trabalhadores no mercado, influenciados por alguns fatores, como os generosos auxílios do governo, filhos em aulas remotas e medos relacionados à pandemia. Entretanto, com ao menos 21 estados se retirando dos programas de benefícios do governo federal em junho, devemos ver maior estímulo no mercado de trabalho.

Open chat
Podemos te ajudar?